Tecnologia: a palavra é feminina, a área nem tanto

Escrevi esse post originalmente no site do GEC, Grupo de Pesquisa, Educação, Comunicação e Tecnologias. Vale ressaltar que essa discussão não se resume às áreas tecnológicas, pois o preconceito existe em vários outros espaços sociais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.